Arquivo da categoria ‘Ser usado é fácil, difícil é ser aprovado!’


…Difícil é ser aprovado!

Na reunião de ontem do JORAE na ICPA (Igreja de Cristo no Parque Araxá), liderado por Ferreira Junior [Contato: ferreirajorae@gmail.com], lembrei de um assunto que acho fundamental para todo aquele que está à frente de um ministério ou que realiza algo para o reino de Deus. Se você sair perguntando a todos que fazem a obra de Deus nesta terra, 100% responderão que é maravilhoso e confirmo sem nenhuma dúvida que realmente é. Contudo, ser usado não é tudo.

Ser usado por Deus é algo sobrenatural, porém isto não garante a sua salvação!

Prestem muita atenção. Muitas pessoas que são usadas por Deus, acham que isto é suficiente para garantir sua morada com o Pai. ISTO NÃO É VERDADE! O pior disto tudo é saber que existem outras que por serem instrumentos nas mãos de Deus, acham que tem o direito de se sentirem superiores e, consequentemente, o direito de julgar. Abram os olhos enquanto é tempo, você não vai ser salvo desta maneira!

Deus é soberano! Ele pode usar quem ele quiser, no local que quiser, na hora que quiser e como ele quiser. Nada pode interromper o seu agir. A sua palavra garante isto dizendo: Agindo Deus quem impedirá? Quanto mais usar qualquer pessoa. Deus usa as coisas loucas deste mundo para confundir as que dizem sábias.

Ei Família JORAE, nós somos apenas instrumentos nas mãos Dele. Quando vamos ver alguém tocar um violão e é ressoada uma bela canção daquele instrumento. Ao final da música, surgem os aplausos. A pergunta é: Pra quem vão os aplausos? Pro violão ou para a pessoa que toca? Lógico que é para a pessoa que toca. Da mesma forma se nós somos instrumentos e Deus é que fala através de nós, os aplausos é para Ele, a honra é para Ele, a força é para Ele, a majestade é para Ele, a glória é para Ele e tudo é, somente, para Ele!

Lembro-me de duas passagens bíblicas que descrevem o Senhor usando coisas realmente loucas. Uma está em Isaías 44: 28 e 45:1 que diz:

“…que digo de Ciro: É meu pastor, e cumprirá tudo o que me apraz; ele dirá de Jerusalém: Ela será edificada, e do templo: Será fundado. Assim diz o Senhor ao seu ungido, a Ciro, a quem tomo pela mão direita,…”

Para quem não conhece, Ciro era o rei da Pérsia. Um homem ímpio que não temia a Deus e andava longe de seus caminhos. Porém o Senhor o chamou de meu ungido ou meu servo e, ainda mais, o tomou pela mão direita que representa honra. Os juramentos só são feitos estendendo a mão direita para frente e por meio desta mesma mão, o Senhor o tomou. Veja a importância disto.

A segunda passagem é ainda mais louca, está em Números 22: 23-33. Prestem atenção nesta história.

Viu a jumenta o Anjo do Senhor, que estava no caminho com a sua espada desembainhada na mão, pelo que a jumenta se desviou do caminho, e foi-se pelo campo. Então Balaão espancou a jumenta para fazê-la voltar ao caminho. Mas o Anjo do Senhor pôs-se numa passagem estreita entre duas vinhas, com paredes de ambos os lados. Quando a jumenta viu o Anjo do Senhor, encostou-se contra uma das paredes, e apertou contra a parede o pé de Balaão; por isso tornou a espancá-la. Então o Anjo do Senhor passou mais adiante, e pôs-se num lugar estreito, onde não havia caminho para se desviar nem para a direita nem para a esquerda. Quando a jumenta viu o Anjo do Senhor, deitou-se debaixo de Balaão, e a ira de Balaão se acendeu, e espancou a jumenta com o bordão. Então o Senhor abriu a boca da jumenta, e ela disse a Balaão: Que te fiz eu, que me espancastes já três vezes? Respondeu Balaão à jumenta: É porque zombaste de mim. Se eu tivesse uma espada na mão, agora te mataria. A jumenta disse a Balaão: Porventura não sou a tua jumenta, em que toda a tua vida cavalgaste até hoje? Tenho costume de agir assim contigo? Ele respondeu: Não. Então o Senhor abriu os olhos a Balaão, e ele viu o Anjo do Senhor parado no caminho, tendo a espada desembainhada na mão. De modo que ele se inclinou, e prostrou-se com a face em terra. Disse-lhe o Anjo do Senhor: Por que três vezes espancaste a tua jumenta? Eu saí para ser teu adversário, porque o teu caminho é perverso diante de mim. Porém a jumenta me viu, e já três vezes se desviou de mim. Se ela não se tivesse desviado de mim, na verdade eu te haveria matado, e a ela deixaria com vida.”

Deus usou uma jumenta para salvar Balaão. Mais uma prova de que Deus usa quem ele quer e como ele quer. Isto pode parecer até sarcástico, mas vou falar com toda seriedade. Tem pessoas sendo usadas por Deus e que estão com o ego lá em cima. Cuidado! Você pode ser um(a) jumento(a)! Só quem pode te exaltar é Deus. Glorie-se na cruz, humilhe-se na presença de Deus e Ele te exaltará.

Apesar da jumenta e Ciro terem sido instrumentos nas mãos de Deus, estes mesmos não foram salvos! Vamos avaliar nosso comportamento diante de Deus e dos homens quando somos usados por Deus. Lembrando, a bíblia revela que somos salvos quando confessamos Cristo como nosso único e suficiente Senhor e Salvador. Por isto, quem tem o Filho, tem a vida!

informação: Na Parte 02 de “Ser usado é fácil, difícil é ser aprovado” estaremos estudando sobre a porta estreita descrita em Mateus 7: 13-14, sendo revelada a segunda parte da frase que diz: “…Difícil é ser aprovado”.

Deus seja louvado por esta postagem,

Por Marcus Queiroz (Líder e Presidente JORAE)

Anúncios